full screen background image
Search
quarta, 17 janeiro 2018
  • :
  • :

Ouça ou Baixe o hino da 13ª Região Tradicionalista:


A 13ª Região Tradicionalista (13ª RT), com sede em Santa Maria, conta atualmente com 89 entidades filiadas.
É composta pelos seguintes municípios: Agudo, Dilermando de Aguiar, Dona Francisca, Faxinal do Soturno, Formigueiro, Itaára, Ivorá, Nova Palma, Paraíso do Sul, Restinga Seca, Santa Maria, São João do Polesine, São Martinho da Serra, São Pedro do Sul, São Sepé, Silveira Martins e Vila Nova do Sul.

Troféu Sentinela da Cultura

  1. APRESENTAÇÃO
    • A Coordenadoria da 13ª Região Tradicionalista regulamenta a concessão do “Troféu Sentinela da Cultura”, instituído para as entidades tradicionalistas de Santa Maria.
  2. DO OBJETO
    • A distinção destacará, segundo critérios estabelecidos, as entidades tradicionalistas que melhor se apresentarem no “Desfile Temático Tradicionalista”, que ocorre durante as comemorações oficiais dos Festejos Farroupilhas, no município de Santa Maria.
  3. DA PARTICIPAÇÃO
    1. Participarão todas as entidades tradicionalistas sediadas no município de Santa Maria, filiadas ao MTG, que participarem do Desfile Farroupilha oficial deste município e não manifestarem intenção ao contrário;
    2. Para confirmar a participação deverá ser entregue, na secretaria da Casa do Gaúcho – sede da coordenadoria, em data a ser definida pela Coordenadoria Regional, 20 (vinte) cópias com um breve histórico da entidade, contendo o roteiro do seu desfile, citando principalmente o nome do(s) quadro(os) cultural(is) apresentado(s), podendo destacar outros aspectos como o lema da entidade, nome do patrão, etc;
    3. A entidade que não entregar o documento citado na letra b, dentro do prazo estabelecido, não será avaliada para fins deste troféu.
  4. DOS CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO
    1. Tema Estadual – referência qualitativa: pesquisa, verossimilidade, criatividade, desenvolvimento e comprometimento com os aspectos históricos – 20 pontos
    2. Quadros culturais – quantitativo e qualitativo: estética, aspectos visuais, conteúdo e apresentação – 15 pontos
    3. Evolução organizada – disposição dos quadros e dos participantes, distanciamento da entidade anterior, fluxo – 15 pontos
    4. Montarias – qualidade, cuidado e apresentação, inclusive encilhas (aspecto visual, autenticidade e conservação) – 15 pontos
    5. Indumentária – correção, conforme as diretrizes do MTG – 15 pontos
    6. Tema local – referência quantitativa e qualitativa – 10 pontos
    7. Homenageado local – referência quantitativa e qualitativa – 5 pontos
    8. Patrono estadual – referência quantitativa e qualitativa – 5 pontos
  5. DA COMISSÃO AVALIADORA
    1. A comissão avaliadora é de responsabilidade da Coordenadoria Regional e será constituída por, no mínimo, três (03) e, no máximo, sete (07) integrantes.
    2. Os membros indicados para compor a comissão avaliadora deverão ter reconhecido conhecimento sobre a cultura tradicionalista gaúcha, bem como conhecimento técnico sobre os critérios de avaliação, sendo facultado às entidades a indicação de nomes.
  6.  DA DISTINÇÃO
    1. Ficam instituídos os seguintes troféus:
      • 1º lugar ao 5º lugar …………………..  TROFÉU SENTINELA DA CULTURA
      • Melhor Quadro Cultural …………….  TROFÉU BARBOSA LESSA
      • Melhor Grupo de Cavaleiros …….  TROFÉU CYRO DUTRA FERREIRA
      • Melhor Quadro de Escola …………  TROFÉU PAIXÃO CORTES
    2. Os troféus para os vencedores serão entregues em cerimônia especial, que será realizada, preferencialmente, na entidade vencedora no ano anterior.
  7. DAS DISPOSIÇÕES GERAIS
    1. As decisões da Comissão Avaliadora serão soberanas, não cabendo qualquer tipo de recurso;
    2. Os casos omissos ou dúvidas provenientes deste regulamento serão resolvidos pela Coordenadoria Regional;
    3. A participação indica total consciência e aceitação dos termos deste regulamento.